11/10/2016

Atlantic inicia funcionamento do Complexo Eólico de Santa Vitória do Palmar

Ainda em processo de implantação, o complexo do Rio Grande do Sul contará com 12 parques eólicos, 69 aerogeradores e 207 megawatts de potência instalada

A madrugada do dia 26 de setembro registrou o início de testes de operacionalização do processo de energização do Complexo Eólico de Santa Vitória do Palmar, no Rio Grande do Sul. O evento foi um marco para a Atlantic Energias Renováveis por ser na atualidade o maior empreendimento da empresa, que está em obras desde agosto de 2015.

Tecnicamente, o processo de energização irá consistir em alimentar as barras da ampliação da subestação Marmeleiro II por meio da energia gerada pela Transmissora Sul Litorânea de Energia (TSLE). Essa fonte chega ao transformador do Bay de conexão com uma tensão de 525 mil Volt, no qual é reduzida a 138 mil Volt para alimentar a Linha de Transmissão Trecho 01.  Esta linha abastece a subestação Mangueira I e alimenta painéis e cubículos instalados no local.

O complexo também fará o fluxo contrário de energia produzida, a escoando até o Bay de conexão localizado em Marmeleiro II, quando iniciar o processo de comissionamento dos aerogeradores e a operação comercial dos parques eólicos.

Maior empreendimento da Atlantic Energias Renováveis, o Complexo Eólico Santa Vitória do Palmar contará com 12 parques eólicos e 69 aerogeradores de concreto, que podem produzir juntos 207 MW de potência, o suficiente para abastecer cerca de 400 mil residências. A conclusão das obras do complexo está prevista para abril de 2017.