05/04/2016

Atlantic investirá R$ 1,3 bilhão em implantação de novo complexo eólico no Piauí

Complexo Lagoa do Barro contará com oito parques instalados e deve gerar 900 empregos diretos

A Atlantic Energias Renováveis assinou, nessa segunda, dia 4, o convênio de regularização das terras dedicadas ao projeto de implantação do parque de energia eólica da Atlantic na região de Lagoa do Barro (PI). O CEO da empresa, José Roberto de Moraes, participou da audiência com o Governador do Estado Wellington Dias, e com o diretor-geral do Instituto de Terras do Piauí (INTERPI), José Osmar Alves.

A assinatura do convênio de regularização é o pontapé inicial do Complexo Eólico de Lagoa do Barro, que contará com 8 Parques instalados na região e tem previsão de inicio das operações já no 2o semestre de 2018. O investimento previsto é de R$ 1,3 bilhão.

“O estado do Piauí vem tratando da implantação do Complexo Eólico de forma extremamente ágil, transformando em ações todos os compromissos assumidos. Fomos muito bem acolhidos pelo governo do estado”, afirma José Roberto.

Em pleno funcionamento, o Complexo Eólico Lagoa do Barro irá operar com 195 MW de capacidade instalada, aumentando a representatividade da energia limpa na matriz energética do Estado. No auge das obras, o complexo deve gerar cerca de 900 empregos diretos.

Para o diretor-geral do INTERPI, José Osmar Alves “o investimento da Atlantic no Estado é historicamente representativo. Além de investirmos em geração de energia limpa, atividade com baixíssimo impacto ambiental e alto valor, as famílias de Lagoa do Barro terão acesso aos arrendamentos com muito mais agilidade.”

3bc86525-422b-4509-a41b-8a0737470e7c
Welington Dias (Governador do Estado do Piauí), José Osmar Alves (Secretário de Regulamentação Fundiária), José Roberto de Moraes (CEO da Atlantic Energias Renováveis). Créditos: Angelo Perosa