10/02/2017

Obras do Complexo Eólico Lagoa do Barro vão gerar 500 empregos

Parceria entre Atlantic e Acciona levará ao Piauí a primeira indústria de grandes componentes do estado

A Atlantic Energias Renováveis, em parceria com a Acciona Windpower, prepara-se para levar ao Piauí a primeira indústria de grandes componentes do estado. As obras do Complexo Eólico Lagoa do Barro, com início previsto para o 1° semestre de 2017, vão gerar cerca de 500 empregos. A previsão de investimentos é de 1.3 bilhão de reais.    

“Além de garantir o fornecimento de energia renovável para a região, o investimento aquece a economia e melhora a vida dos moradores de Lagoa do Barro do Piauí. O empreendimento, que tem parceria com a Acciona, impacta diretamente a arrecadação do município e vai estimular a contratação de subfornecedores locais, trazendo ainda mais benefícios para a região e para o estado”, conta José Roberto de Moraes, CEO da Atlantic.

Vamos construir uma fábrica de torres de concreto que contribuirá bastante para a região de Lagoa do Barro”, diz David Lobo, Diretor Comercial da Acciona Windpower, empresa responsável por essa etapa da operação. “Por não precisar de mão-de-obra específica, poderemos usar a força de trabalho local e gerar 500 postos no auge das obras”, complementa. “A Atlantic é nosso maior cliente e uma parceira estratégica da Acciona. Esperamos manter essa parceria”, conclui.

No último dia 20 de janeiro, os representantes de Atlantic, Acciona e dos órgãos SEGOV, SEPLAN, SEFAZ, SEDET e SEMINPER, além de Adriano Holanda, da Advocacia Holanda & Carvalho, reuniram-se com o governador do Piauí, Wellington Dias. O encontro serviu para celebrar o movimento de contratação de subfornecedores locais para o Complexo Eólico de Lagoa do Barro.

Localizado a 580 km de Teresina, o empreendimento terá 195 MW (megawatts) de capacidade instalada distribuídos em 65 aerogeradores. O Complexo contará com 8 parques eólicos e ocupará uma área de 2.854 hectares. A previsão de início das operações é para o 2° semestre de 2018. Segundo o boletim “Dados Mensais ABEEólica” de janeiro de 2017, o Piauí é atualmente o 5° estado brasileiro com maior capacidade instalada de energia eólica, com 854,4 MW distribuídos em 33 parques.