22/09/2016

Rio Grande do Norte bate recorde com 3 GW de potência instalada

João Câmara e Parazinho são os municípios que mais produzem energia eólica no Estado

O Rio Grande do Norte alcançou a marca histórica de 3 GW (gigawatts) de potência instalada no dia 10 de setembro. Os dados são do Departamento de Pesquisas do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE). Em termos comparativos, os 3GW representa um abastecimento de cerca de 4,7 milhões de residências por mês, ou seja, 31,86% de toda a capacidade eólica instalada no Brasil.

Hoje, o Estado potiguar possui 1.562 aerogeradores em funcionamento e 110 parques eólicos instalados. Os municípios de João Câmara e Parazinho são os que mais concentram atividade eólica. Juntos, respondem por mais de 1000 MW (megawatts) em 46 empreendimentos eólicos.

Os projetos eólicos da Atlantic Energias Renováveis no Estado, Eurus II e Renascença V, respectivamente localizados nos municípios de João Câmara e Parazinho, contribuem com 60 MW que garantem a estabilidade do sistema elétrico da região Nordeste do país. Essa potência é capaz de abastecer cerca de 20 mil residências.